The Grand Duchy of Karameikos

“The Grand Duchy of Karameikos” é uma terra profunda e escura, quase totalmente selvagem, que o homem tentou ocupar.
Formado por planícies e colinas florestadas profundamente cercadas por montanhas escarpadas para o Norte. O território é em grande parte selvagem, assombrado por muitos monstros e tribos de goblins. A civilização é frágil e envolvida em uma luta constante para empurrar os selvagens de volta. Nações antigas e muitas ruínas misteriosas estão escondidas. Há também luta cultural entre os povos nativos Traladaran e os colonos Thyatian, que tentam transformar Karameikos em uma nação poderosa.

Karameikos é governado pelo rei Stefan Karameikos, um Thyatian que ganhou domínio sobre a nação em 970 AC trocando suas terras ancestrais, o ducado de Machetos, com o Imperador Thincol de Thyatis, em troca da regência autônoma sobre a Província Imperial de Traladara. A nação foi originalmente chamada Grão-Ducado de Karameikos e, teoricamente, devia lealdade a Thyatis, mas após a grande guerra entre Thyatis e Alphatia, que muito danificou Thyatis e resultou no afundamento de Alphatia, Duke Stefan vendeu a sua terra natal e declarou-se Rei, fazendo com que Karameikos ganhasse maior destaque no Mundo Conhecido.

Gaz1

Karameikos banner

Rei stefan

The Grand Duchy of Karameikos

A Ilha de Pavor thiagotogbr thiagotogbr